Vereadores aprovam leis mudando nomes de prédios e ruas em Balsas

Vereadores aprovam leis mudando nomes de prédios e ruas em Balsas

Em sessão realizada nesta segunda-feira (15), a Câmara Municipal de Vereadores de Balsas aprovou 3 projetos de lei de autoria do poder executivo autorizando a mudança de nomes em logradouros públicos.

A inciativa das lei visa alteração da denominação de logradouro público, tem como finalidade atender recomendação do Ministério Público, que o município altere as leis que atribuíram nomes de pessoas vivas a prédios e logradouros públicos.

Foram aprovados: Projeto de lei nº 005/2019 – dispõe sobre a alteração de denominação de logradouro público do município. A Rua Chico Bina, no centro de Balsas, no trecho compreendido entre a Rua Antônio Leitão e a BR 230, terá a denominação Rua Divaldo Castro, cidadão balsense que trabalhou no Banco da Amazônia durante 35 anos e faleceu em 2016.

– Projeto de lei nº 006/2019 –- dispõe sobre a alteração de denominação de logradouro público do município. A Rua Profa. Maria Amélia Bezerra, localizada no bairro cajueiro, passa a ter a denominação de Rua Professora Geny Bezerra de Sousa, cidadã balsense, foi diretora das Escolas Municipais Didácio Santos e Dom Pedro II e faleceu em 2018 aos 88 anos.

– Projeto de lei nº 004/2019 – dispõe sobre a alteração de denominação de novo prédio a ser construído para abrigar o mercado público municipal, que denominar-se-á José Eduardo Carvalho Feitosa, empresário balsense falecido em 2005, conhecido como Eduardo da Casa do Fazendeiro. Ele exerceu a atividade empresarial no ramo de produtos agropecuários e material de construção, onde construiu uma rede de lojas bem sucedidas.

A família do homenageado compareceu à sessão para prestigiar aprovação da lei que surgiu a partir de uma indicação do vereador Izanio Carvalho, que em discurso no plenário ressaltou, que não é o fato de ser primo do homenageado, mas que a homenagem foi justa, já que ele “além de ser um bom balsense, fez sua vida inteira em Balsas e constituiu sua família, além disso, sempre que podia irradiava seu amor pela cidade, mas também foi um empresário que contribuiu muito. É merecido!”. Concluiu.

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Skip to content